Ministério da Saúde lança campanha de prevenção a HIV em aplicativo gay
   Blog Diversidade   │     2 de agosto de 2016   │     0:00  │  0

Essa não é a primeira iniciativa do tipo feita pela governo. No ano passado, uma ação veiculada no Tinder gerou polêmica ao inserir perfis falsos que anunciavam pessoas interessadas em “sexo sem camisinha e sem frescura".

Essa não é a primeira iniciativa do tipo feita pela governo. No ano passado, uma ação veiculada no Tinder gerou polêmica ao inserir perfis falsos que anunciavam pessoas interessadas em “sexo sem camisinha e sem frescura”.

O Ministério da Saúde lançou ontem “01 de agosto”, uma nova campanha em parceria com um aplicativo de encontros para informar sobre a prevenção contra o HIV. As ações devem ocorrer durante o período dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. O foco da campanha são usuários do Hornet, voltado principalmente para o público gay.

A partir de ontem, segunda-feira, usuários do aplicativo começaram a receber mensagens que informam sobre o projeto e acesso à camisinha e outros meios de prevenção. A campanha, chamada de Close Certo, segue até 18 de setembro.

Essa não é a primeira iniciativa do tipo feita pela governo. No ano passado, uma ação veiculada no Tinder gerou polêmica ao inserir perfis falsos que anunciavam pessoas interessadas em “sexo sem camisinha e sem frescura”. Perfis falsos iniciavam a conversa dizendo: “E aí, curte sexo sem camisinha?” Em seguida, vinha a mensagem: “Olha, é difícil saber quem tem HIV. Se divirta, mas se proteja”.

A campanha, no entanto, irritou o Tinder. Neste ano, para evitar novos problemas, o Ministério da Saúde mudou a abordagem e sinalizou os usuários que devem passar informações sobre a campanha. A iniciativa também foi planejada em parceria com o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV e a Unesco.

Fonte: Agencia de Noticias Aids

Tags:, , , , , ,

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *