Tag Archives: LGBT

Filhos do Arco-Íris: Artistas se unem em prol da causa LGBT
   Blog Diversidade   │     12 de junho de 2017   │     16:51  │  0

“Filhos do Arco-Íris” é uma música apresentada pelo produtor Rick Bonadio, com assinatura de Joca Beta e Nizan Guanaes. Nos vocais, estão Sandy, Preta Gil, Daniella Mercury, Pabllo Vittar, Luiza Possi, Gloria Groove, Kell Smith, Di Ferrero e outros destaques. 

Foi divulgado, nesta terça-feira (6), o áudio da música feita para o Mês do Orgulho LGBT no Brasil, celebrado no dia 28 de junho. Intitulada ‘Filhos do Arco-Iris’, a música conta com a participação de ícones nacionais como Preta Gil, Gloria Groove, Pabllo Vittar, Daniela Mercury, Sandy, Fafá de Belém, Carlinhos Brown, Luiza Possi, Paulo Miklos, Rogério Flausino e Di Ferrero e foi produzida por Rick Bonadio.

Os lucros rendidos com a canção irão ser revertidos para fundações que lutam para prevenir a epidemia do HIV.

Segundo o compositor Nizan Guanaes, a canção “é o início de uma campanha de mobilização e conscientização que irá culminar na Parada LGBT de 2018, ano da eleição presidencial e do Legislativo, cuja causa LGBT precisa influenciar”.

A versão completa da música será lançada no Spotify em breve, mas um trecho de 2 minutos já circula na internet, inclusive na página oficial de Pabllo Vittar no Facebook.

Tags:, , ,

>Link  

APROVADO NO SENADO: Casamento é união de duas pessoas
   Blog Diversidade   │     9 de março de 2017   │     2:35  │  0

O Projeto de Lei do Senado (PLS) 612/2011, que altera o Código Civil para reconhecer a união estável entre pessoas do mesmo sexo e para possibilitar a conversão dessa união em casamento, foi aprovado nesta quarta-feira (8) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), em decisão terminativa. Durante a votação houve 17 votos favoráveis e uma abstenção.

Apresentada pela senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), a proposta recebeu voto favorável do relator, senador Roberto Requião (PMDB-PR), e poderá seguir diretamente para análise da Câmara dos Deputados, se não houver recurso para votação em Plenário.

Atualmente, o Código Civil reconhece como entidade familiar “a união estável entre o homem e a mulher, configurada na convivência pública, contínua e duradoura e estabelecida com o objetivo de constituição de família”. Com o projeto, a lei será alterada para estabelecer como família “a união estável entre duas pessoas”, mantendo o restante do texto do artigo.

O texto determina ainda que a união estável “poderá converter-se em casamento, mediante requerimento formulado dos companheiros ao oficial do Registro Civil, no qual declarem que não têm impedimentos para casar e indiquem o regime de bens que passam a adotar, dispensada a celebração”.

Segurança jurídica

A conversão em casamento da união estável entre pessoas do mesmo sexo já é autorizada por juízes. No entanto, há casos de recusa, fundamentada na inexistência de previsão legal expressa. O projeto busca eliminar as dificuldades nesses casos e conferir segurança jurídica à matéria.

No relatório, Requião lembra decisão de 2011 do Supremo Tribunal Federal, reconhecendo o direito à formalização da união entre casais homossexuais. No entanto, ele diz ser responsabilidade do Legislativo adequar a lei em vigor ao entendimento consagrado pelo Supremo, “contribuindo, assim, para o aumento da segurança jurídica e, em última análise, a disseminação da pacificação social”.

O projeto aguardava decisão do Senado desde 2012, quando recebeu emendas da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), que foram mantidas por Requião.

Fonte: Agência Senado

Tags:, , , ,

>Link  

Brasil e EUA assinam acordo de promoção comercial LGBT
   Blog Diversidade   │     24 de fevereiro de 2017   │     16:38  │  0

 Ricardo Gomes, Presidente da CCLGBTB (Câmara de Comércio LGBT Brasileira) e Chance Mitchell, co-fundador e CEO da NGLCC (National Gay & Lesbian Chamber of Commerce) assinam acordo nesta quinta-feira para cooperação no desenvolvimento de atividades e empreendedorismo LGBT nos dois países.

 O empreendedorismo e as atividades de desenvolvimento comercial para a população Lésbica, Gay, Bissexual e Transgênera do Brasil e dos EUA deram um grande passo nesta quinta-feira, dia 23 de fevereiro de 2017, com a assinatura de um convênio entre a CCLGBTB e a NGLCC, respectivamente as câmaras de comércio brasileira e norte-americana.

 O Tratado incentivará ações conjuntas e parcerias entre as empresas dos dois países que se prontificam a atuar de maneira inclusiva junto à população LGBT. Entre as ações previstas estão projetos culturais, de capacitação da comunidade e apoio aos empresários associados em acesso e negociação com grandes indústrias.

 Para Ricardo Gomes, presidente da CCLGBTB, o convênio com os EUA (terceiro já assinado pelo Brasil que já conta com a parceria com a Argentina e o Uruguai) trará o impulso necessário para que grandes companhias atuem efetivamente em prol do desenvolvimento pessoal e profissional da população e do mercado LGBT. “O caminho da Câmara é o de aproximação com os principais mercados consumidores e produtores no mundo, trazendo uma integração entre empresários que abracem a causa LGBT, sejam eles parte da comunidade ou simpatizantes. É hora de o Brasil ingressar neste importante movimento que, estima-se, pode gerar cerca de US$3 trilhões por ano ao redor do mundo”, diz.

O co-fundador e CEO da NGLCC, Chance Mitchell, confirma a importância do acordo, tendo em especial atenção ao fato de que o Brasil é um importante mercado latino americano. “A NGLCC dá as boas-vindas ao CCLGBTB na sua crescente rede de 46 câmaras de comércio LGBT em todo os Estados Unidos e 12 organizações empresariais LGBT a nível internacional. A CCLGBTB, sediada em São Paulo, é a décima terceira organização a se filiar à NGLCC Global e a oitava organização empresarial LGBT na América Latina. Esta nova parceria formalizará as relações comerciais entre os Estados Unidos e o Brasil e festejará o papel do CCLGBTB na promoção da comunidade empresarial LGBT brasileira e na defesa da inclusão econômica das pessoas LGBT no Brasil”, afirmou Chance.

Fonte: Jornalista Gabriel Rajão

Tags:, , , , ,

>Link  

Google cria vídeos em 360º de Paradas do Orgulho Gay do mundo inteiro para comemorar o dia 28 de junho
   Blog Diversidade   │     28 de junho de 2016   │     0:00  │  0

O Google lançou  no dia 23 de junho um projeto para levar as Paradas do Orgulho LGBTT do mundo todo a pessoas que não podem participar delas fisicamente. Chamado de #prideforeveryone (#orgulhoparatodos), o projeto disponibiliza registros em 360 graus das Paradas do Orgulho LGBTT de diversos locais do mundo, incluindo Estados Unidos, Canadá, Brasil, Colômbia, Índia, China, Japão, Austrália, Reino Unido, Irlanda e Itália.

Segundo a empresa, o objetivo do projeto é que “trazer o senso de empolgação e de união [das Paradas a pessoas que normalmente não poderiam estar presentes”, como também comemorar o dia 28 de junho, data esta que se comemora o Dia Internacional do Orgulho Gay em todo mundo. Conforme o Engadget aponta, muitas pessoas no mundo deixam de ir a esses eventos por conta de leis anti-LGBTTs de alguns países, ou por medo de ser discriminado por suas famílias ou conhecidos. O vídeo abaixo apresenta o projeto:

De acordo com uma pesquisa citada pelo próprio Google, mesmo nos Estados Unidos, 52% da população LGBTT nunca foi a uma dessas paradas. Isso apesar do fato de os Estados Unidos não ser um dos mais de 70 países em que pertencer a essa comunidade é um crime.

Em entrevista ao USA Today, Arjan Dijk, vice-presidente de marketing disse acreditar que a mensagem do projeto é ainda mais iportante após o massacre homofóbico que aconteceu em Orlando no dia 12 de junho. Dijk também é patrocinador executivo dos Gayglers, o grupo dos funcionários LGBTT que trabalham no Google. “Acho que depois de Orlando, essa mensagem é ainda mais importante, que as pessoas devem ter orgulho de quem elas são e de quem elas amam”, disse.

De acordo com o site do projeto, funcionários do Google e seus parentes e amigos participaram da 20ª Parada do Orgulho LGBTT em São Paulo e registraram o evento em vídeo 360º. Com mais de 2 milhões de participantes, a Parada de São Paulo é uma das maiores do mundo. No ramo de tecnologia, não foi só o Google que apoiou o evento: a Microsoft também incentivou seus funcionários a participar.

28 de junho é o Dia do Orgulho LGBTI (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e pessoas intersex), data celebrada e lembrada mundialmente, que marca um episódio ocorrido em Nova Iorque, em 1969. Naquele dia, as pessoas que frequentavam o bar Stonewall Inn, até hoje um local de frequência de gays, lésbicas e trans, reagiram a uma série de batidas policiais que eram realizadas ali com frequência.

O levante contra a perseguição da polícia às pessoas LGBTI durou mais duas noites e, no ano seguinte, resultou na organização na 1° parada do orgulho LGBT, realizada no dia 1° de julho de 1970, para lembrar o episódio. Hoje, as Paradas do Orgulho LGBT acontecem em quase todos os países do mundo e em muitas cidades do Brasil ao longo do ano.

Infelizmente, a perseguição, discriminação e as violências contra pessoas por causa de sua orientação sexual ou identidade de gênero – real ou percebida – não acabou. No relatório ”Making love a crime”, a Anistia Internacional mostra que em 38 países da África, a homossexualidade é criminalizada por lei, e ao longo da última década houve diversas tentativas de tornar estas leis ainda mais severas.

Tags:, , , ,

>Link  

Colgate lança comercial com casal gay
   Blog Diversidade   │     12 de junho de 2016   │     0:00  │  0

Campanha é a primeira na história da marca a trazer relacionamento amoroso entre pessoas do mesmo sexo para protagonizar vídeo da empresa.

Campanha foi divulgada com a hashtag #SmileWithPride | Foto: Reprodução/Facebook Colgate

Campanha foi divulgada com a hashtag #SmileWithPride | Foto: Reprodução/Facebook Colgate

“Às vezes só é preciso um sorriso. E o seu sorriso só precisa de Colgate.” Até aí tudo bem. As frases separadas do comercial de TV nada chamam a atenção. Parece mais um texto publicitário como qualquer outro. Mas o texto é narrado após uma cena na qual um casal de homens gays chega ao apartamento novo e é bem-vindo pelos vizinhos, um avô com seu neto, que oferecem ajuda para carregar o sofá do rapazes.

A campanha publicitária foi divulgada no dia 3 de junho no México, cinco dias depois do encerramento da Vallarta Pride, a Parada do Orgulho LGBT por lá, realizada entre os dias 16 e 29 de maio em Puerto Vallarta. A Colgate aproveitou o momento para lançar o comercial com o nome da marca estampado. Essa é a primeira vez que a Colgate lança um comercial no qual usa um casal gay para protagonizar as cenas.

A hashtag #SmileWithPride, que significa em português “sorria com orgulho”, foi criada para divulgar a campanha publicitária da marca. O vídeo recebeu apoio e também críticas nas redes sociais por escolher um casal gay.

O presidente mexicano Enrique Peña Nieto, do PRI (Partido Revolucionário Institucional), apresentou ao parlamento do México uma proposta de emenda à Constituição que aprova o casamento homoafetivo no país. Em 15 de junho de 2015, a Suprema Corte de lá decidiu que os juízes são obrigado acolher os pedidos de homossexuais que pretendem se casar.

No Brasil a união estável homoafetiva passou a ser revertida para casamento a partir de decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de 2013 que obriga os cartórios a reconhecerem e celebrarem o casamento civil entre pessoas do mesmo sexo.

Veja o comercial da Colgate divulgado no México:

Tags:, , , , , , ,

>Link