Nota de pesar e calento a Família Palmeira

Ex-governador de Alagoas Guilherme Palmeira a esquerda e seu filho prefeito de Maceió Rui Palmeira a direita

O presidente do Grupo Gay de Alagoas – GGAL , entidade fundadora do movimento LGBTI+ alagoano, vem através desta nota lamentar a morte do ministro aposentado do Tribunal de Contas da União (TCU), ex-senador, ex-prefeito e ex-governador de Alagoas Guilherme Palmeira, aos 81 anos, ocorrido nesta segunda-feira (4).

O GGAL, neste momento de dor e perda se faz solidário a toda Família palmeira, em especial sua esposa, a arquiteta Suzana Pameira.

Pai do prefeito de Maceió, Rui Palmeira, GuilhermePalmeira sem sombra e nem sobra de dúvidas foi um dos politicos mais atuante na carreira política em Alagoas.
Guilherme Gracindo Soares Palmeira nasceu em 25 de dezembro de 1938. Formou-se bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Foi integrante do antigo partido Aliança Renovadora Nacional (Arena) e um dos fundadores Partido da Frente Libera (PFL). Elegeu-se deputado estadual por três vezes, sendo sua primeira vitória em 1966. Foi governador de Alagoas em 1979 e senador da República na década de 1990.

Assumiu como ministro do Tribunal de Contas da União em 1999 e presidiu a Corte de Contas no período de setembro a dezembro de 2006; no ano seguinte atuou como vice-presidente. Aposentou-se como ministro do TCU, de forma compulsória, no dia 13 de outubro de 2008.

O GRupo Gay de Alagoas explana aqui tambem nossas condolências e pêsames ao prefeito de Maceió Rui Palmeira pela perda de seu pai

Imaginamos como esteja sendo duro para você perder seu pai. Ao longo da vida, ele certamente foi sua proteção e seu melhor conselheiro. Saber da sua morte foi sem dúvida uma notícia triste e enviamos agora nossos sinceros votos de pêsames, prefeito, para você e para sua família.

Não queremos que você desanime, mas sim que tenha forças para continuar, ao mesmo tempo, em  em nome de toda comunidade LGBTI+ alagoana, damos um caloroso abraço, mesmo que virtual em você e toda Família Palmeira .
Att,
Nildo Correia – Presidente do Grupo Gay de Alagoas – GGAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *