Morre DJ Mauro Borges, incone gay da década de 90
   Blog Diversidade   │     31 de agosto de 2018   │     14:21  │  0

A causa da morte ainda não foi divulgada.

A causa da morte ainda não foi divulgada.

 Morreu nesta sexta-feira, aos 56 anos, Mauro Borges, um dos responsáveis pelo movimento clubber que sacudiu a noite paulistana na década de 1990. O DJ que ferveu a cena GLS era referência de uma geração. Foi o rei das noites e viveu intensamente tudo o que rolou comandando as pick ups da Nation e do clube Massivo – ícone da época, considerado o primeiro hotspot gay a ganhar fama nacional, com suas filas intermináveis na porta. E Mauro, junto com Bebete Indarte, personificavam e comandavam esse momento em que a ordem era jogação sem medo de ser feliz. Também encabeçava o projeto Que Fim Levou Robin?, com hits das pistas como “Aqui não tem Chanel”. Glamurama amava e ficou muito triste com a notícia. RIP Mauro Borges.

Tags:, , , ,

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *