Maceió Verão 2018 terá barraca LGBTI+
   Blog Diversidade   │     29 de dezembro de 2017   │     15:28  │  0

Renda arrecadada será usada em prol da abertura da primeira Casa de Acolhimento LGBTI+ de Alagoas.

Ela está de volta, depois de muitos anos guardada a sete chaves, desde 2005, a barraca Fruta Gogoya,  o point mais animado e quente do Maceió Fest, voltará a todo vapor no Maceió Verão 2018.

O point será montado em um dos locais estratégicos do estacionamento de Jaraguá, funcionará durante os quatro sábados do mês de janeiro, nos dias do Maceió Verão 2018, das 16 ás 23 horas, e é uma realização do Grupo Gay de Alagoas, entidade fundadora do movimento LGBTI+ no Estado de AL.

Cerveja gelada, petiscos e caldinhos em grandes variedades, gente bonita das mais diversificadas tribos, drag’s, Dj’s, gogo boys, muita azaração, e o melhor de tudo pode beijar na boca.

Mas nem tudo será entretenimento, o espaço também será um ponto de apoio, onde o público poderá adquirir gel lubrificante, preservativo, material informativo, e receber informações de prevenção, direitos e deveres voltados para a população LGBTI+, negros, mulheres e outras populações em situação de vulnerabilidade social.

Conheça a história da tradicional Barraca mais famosa do Maceió Fest. 

A barraca Fruta Gogoya, surgiu em 1988, época em que o fundador  Geo Santos fixissou em terras alagoana, a primeira bandeira do arco-íris, símbolo da resistência e luta LGBTI+.

O nome veio em homenagem ao Tropicalismo, com a música Fruta Gogoya, um refrão regional do recôncavo baiano.

Em 2000 a barraca virou bar, e funcionava na Av. Jatiúca, e se chamava Fruta  Gogoya Petiscos e Coquetéis, e durou dois anos, em sociedade com o artista Márcio Carvalho, idealizador da personagem Suzete Carvalho, e Pedrinho. 

Ao longo dos cinco anos de Maceió Fest, a barraca  Fruta Gogoya foi o point do carnaval fora de época da capital alagoana, que mais concentrou pessoas, gente de todas as tribos lotaram e passaram pela barraca, e anualmente, ao longo dos cinco anos de Maceió Fest, o triângulo rosa do corredor  da folia foi ovacionado pela banda Chiclete com Banana e Ivete Sangalo, “a Diva Gay do Maceió Fest, que sempre que seu trio passava na frente da barraca, fazia questão de parar e promover grandes beijaços, e sem sobra e nem sombra de dúvidas, os primeiros em todo país.

Então você que vai ao Maceió Verão 2018 não esqueça, o close certo é na Barraca Fruta Gogoya.

Fonte: ASCOM GGAL

Tags:, ,

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *