“Todo mundo nú” contra a falsa moral e bons costumes
   Blog Diversidade   │     16 de setembro de 2012   │     12:04  │  3

Pastor Silas Malafaia

A Câmara de Vereadores de Salvador gerou polêmica ao ter concedido o título de cidadão honorário da capital baiana ao pastor Silas Malafaia, líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo.

Isso irritou movimentos militantes gays baianos. O professor Luiz Mott disse que eles estão se organizando para fazer um “ato de nudismo” como forma de protesto.

“Se a Câmara Municipal de Salvador não suspender o absurdo título de Cidadão Soteropolitano a Silas Malafaia, o maior homofóbico do Brasil atual, que não fez nada para Salvador para merecer qualquer honraria, dezenas de gays, lésbicas, travestis e simpatizantes pretendem ficar nus na Câmara para impedir e chamar a atenção do mundo deste absurdo discriminatório”, convocou Mott, que é historiador.

Não é primeira vez que Mott se indispõe publicamente contra Malafaia e as igrejas que condenam a homossexualidade. “As igrejas cristãs, em geral, têm as mãos sujas de sangue, pela intolerância que divulgam nos púlpitos e nas televisões. Elas fornecem munição ideológica para aqueles que têm ódio de homossexuais, fazendo com que esse ódio aumente. Vai chegar uma época em que o papa e essas igrejas vão pedir desculpas de joelhos aos homossexuais, como a igreja já pediu desculpas aos judeus, negros e índios”, afirmou recentemente.

No dia 27 de setembro, deve ser entregue o título proposto pelo vereador Héber Santana (PSC). Na mesma data, o Grupo Gay da Bahia, pretende fazer uma representação junto à  presidência do Legislativo da cidade, questionando a titulação.

A manifestação de nudismo da mais antiga entidade de defesa do gênero em atividade no Brasil será na mesma data, ressaltando que considerou o título um “atentado aos direitos humanos da comunidade LGBT”.

>Link  

COMENTÁRIOS
3

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Flávio

    É uma vergonha que este cidadão receba um titulo tão importante diante de tantos problemas relacionados a ele.
    Gente de preconceito declarado tá desmerecendo até ser chamado de ser humano.

    Reply
  2. maria claudia dos santosd

    E seguir DEUS ,É SER PRECONCEITUOSO, vivemos em uma democracia,se os homossexuais tem o direito de ser o que escolheram ser,nós temos o direito de acharmos o que quisermos,no entanto o respeito tem que existir!!!Cada um vai Prestar conta a DEUS , vocês acreditem ou não,não vai mudar essa verdade!!!!!!!!!!!!

    Reply
  3. amauri

    SOU EVANGELICO MAS NÃO TENHO PRECONCEITO , TODOS DEVEMOS RESPEITAR AS ATITUDE DE CADA , POIS SE TEM QUE PAGAR CADA PAGARA PELAS SUAS ATITUDE , EU CONHEÇO E TENHO AMIGO HOMO SEXUAL E SÃO MUITO LEGAL E DE PAZ , SOMENTE DEUS QUE TEM QUE JULGAR , AS IGREJAS NÃO PODEM PROIBIR A PARTICIPAÇAÕ , MAS SOMENTE NÃO PODE ENTRAR EM COMUNHÃO , NEM PARTICIPAR DA SANTA CEIA , ISTO ISTO TAMBEM ELES TEM QUE RESPEITAR E NÃO LEVAR COMO PRECONCEITO ,EX: NA MINHA FESTA SÓ PARTICIPA QUEM EU QUERO ,OU ESTOU ERRADO

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To use BrandCaptcha you must get an API Key