Democrata Barney Frank é o 1º parlamentar a oficializar união gay
   Blog Diversidade   │     9 de julho de 2012   │     1:00  │  4

O parlamentar democrata Barney Frank se casou neste sábado com seu parceiro James Ready, tornando-se o primeiro parlamentar americano a oficializar uma união gay.

Segundo o democrata Al Green (Texas), que esteve na cerimônia, o governador do Estado americano de Massachusetts, Deval Patrik, discursou no evento e brincou ao dizer que Frank, 72, e Ready, 42, prometeram “amar um ao outro em governos democratas ou republicanos”, e “mesmo após aparições na (rede de TV) Fox News”.

“Barney estava radiante”, contou Green. Segundo ele, Frank — que é defensor dos direitos gays e um dos autores da reforma econômica de Wall Street– chorou durante a cerimônia.

Após trocarem seus votos, Frank e Ready se abraçaram. “Não foi diferente de nenhum outro casamento que eu já fui e que tinham duas pessoas apaixonadas”, disse Green.

Parlamentar por Massachusetts, Frank é abertamente gay desde o final dos anos 1980. Ele e Ready estão juntos desde 2007.

CASAMENTO GAY
Em maio, o presidente americano, Barack Obama, apoiou publicamente o casamento gay, tema que deve estar em evidência nas eleições presidenciais de novembro.

Seu rival republicano, Mitt Romney, é contrário e diz que as uniões devem ser apenas entre um homem e uma mulher.

Oito dos 50 Estados americanos e o distrito de Columbia permitem o casamento gay. De acordo com pesquisas de opinião, a maioria dos americanos é a favor das uniões.

Em 2004, Massachusetts tornou-se o primeiro Estado a permitir os casamentos gays. Desde então, mais de 18 mil casais homossexuais se uniram no Estado, de acordo com a MassEquality, grupo de defesa dos direitos gays.

Fonte: Folha

>Link  

COMENTÁRIOS
4

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Nádia Dias

    As pessoas tem direito de se amar…Deus nunca foi contrário ao amor. Já a sacanagem, a fuleragem e a safadeza, seja gay, seja hetero, não são boas para ninguém…a incapacidade de amar atinge a qualquer gênero.
    Conheço gays que amam de verdade, que se respeitam e ao próximo, que são pessoas maravilhosas. Conheço heteros que nem de “humanos” podiam ser chamados. E vice versa. Ser ou não gay é somente um aspecto das pessoas, como a cor da pele ou dos olhos, não tem nada a ver com caráter, com afetividade, com ideologia…
    Injusto é o mundo que pune a liberdade e todo aquele que maltrata um seu irmão em humanidade jamais ouviu falar ou conheceu a Deus, Aquele que ama e É justo.

    Reply
  2. Nádia Dias

    As pessoas tem direito de se amar…Deus nunca foi contrário ao amor. Já a sacanagem, a fuleragem e a safadeza, seja gay, seja hetero, não são boas para ninguém…a incapacidade de amar atinge a qualquer gênero.
    Conheço gays que amam de verdade, que se respeitam e ao próximo, que são pessoas maravilhosas. Conheço heteros que nem de “humanos” podiam ser chamados. E vice versa. Ser ou não gay é somente um aspecto das pessoas, como a cor da pele ou dos olhos, não tem nada a ver com caráter, com afetividade, com ideologia…
    Injusto é o mundo que pune a liberdade e todo aquele que maltrata um seu irmão em humanidade jamais ouviu falar ou conheceu a Deus, Aquele que ama e É justo.

    Reply
  3. valdene

    Minha história é muito dolorida mais espero que o amigo dentro das possibilidades faça o brasil saber o que meu filho estar passando, meu filho foi preso em seu local de trabalho por agentes da policia civil que apenas cumpria seu papel, isso é através de um Mandado de Prisão Preventiva, oriunda da Cidade de Barbalha/Ceara, que dizia que o mesmo havia praticado juntamente na companhia de outros comparsas um crime de homicídio, fato este ocorrido no ano de 1997. A verdade é que meu filho Carlos Roberto Izidio da Silva Junior no ano em que ocorreu o crime apenas tinha este 13 anos de idade, uma vez que o mesmo é de 02/05/1984, que pode ser comprovado através de documento de Certidão de Nascimento, alias no ano em que ocorreu o crime minha família residia no Municipio de Penedo/AL, verdade esta é que pode ser também comprovado pelo histórico escolar de meu filho, como poderia este ter cometido o crime em pauta, se no ano do mesmo ainda era uma criança e nunca saiu de nossa companhia, nem muito menos de ir ao Município de Barbalha cometer este crime, a verdade é que um inocente se encontra privado de sua liberdade, preso em um presidio do Estado de São paulo, acusado de um crime que não cometeu e que podemos provar que não cometeu, apenas rogamos ao amigo Datena por Justiça, que o mesmo olhe o fato em que estar envolvido meu filho com bons olhos e valiosa atenção, pois fazendo isso estará buscando pela mais lidima justiça e enquanto isso não acontece meu filho sofre é humilhado e maltratado dentro de um presidio, por um crime que não cometeu, o que mais nos estranha é que no Mandado consta realmente o nome de meu filho e sua RG, mais como isso pode acontecer, se no ano em que ocorreu o mesmo meu filho ainda não possuía RG, prova esta que o mesmo só passou a ter RG no ano de 2009, conforme consta em seu documento de identidade, o endereço constante do Mandado não é o endereço que atualmente residimos em Maceió e nem tampouco meu filho tem apelido, ja que no Mandado consta como apelido Robertinho, a prisão ocorreu segundo o Mandado porque não localizaram meu filho para acompanhar a tramitação do processo e como poderia, se o endereço do Mandado não é o nosso, sei o quanto a justiça é cega, mais jamais imaginei que seria tanto assim, apenas clamo por justiça, por favor ajude meu filho, ele é inocente, ele nunca saiu de perto de mim, nem muito menos foi a Barbalha no Ceara, se hoje estar em São Paulo é porque recebeu um convite de trabalho irrecusável e como ele atualmente é casado, precisava deste trabalho para dar uma melhor condição de vida sua família, o numero do processo é o seguinte 200.0158.4550-9/0, competência 3ª Vara, local de origem 1ª Vara de Comarca de Barbalha, por favor ajude-me, rogo por justiça, meu telefone é 082 – 87092834 – 88291218, me ajude Datena, um inocente sofre por trás das grades por um crime que jamais cometeu, obrigado por sua atenção

    Reply
  4. valdene

    Minha história é muito dolorida mais espero que o amigo dentro das possibilidades faça o brasil saber o que meu filho estar passando, meu filho foi preso em seu local de trabalho por agentes da policia civil que apenas cumpria seu papel, isso é através de um Mandado de Prisão Preventiva, oriunda da Cidade de Barbalha/Ceara, que dizia que o mesmo havia praticado juntamente na companhia de outros comparsas um crime de homicídio, fato este ocorrido no ano de 1997. A verdade é que meu filho Carlos Roberto Izidio da Silva Junior no ano em que ocorreu o crime apenas tinha este 13 anos de idade, uma vez que o mesmo é de 02/05/1984, que pode ser comprovado através de documento de Certidão de Nascimento, alias no ano em que ocorreu o crime minha família residia no Municipio de Penedo/AL, verdade esta é que pode ser também comprovado pelo histórico escolar de meu filho, como poderia este ter cometido o crime em pauta, se no ano do mesmo ainda era uma criança e nunca saiu de nossa companhia, nem muito menos de ir ao Município de Barbalha cometer este crime, a verdade é que um inocente se encontra privado de sua liberdade, preso em um presidio do Estado de São paulo, acusado de um crime que não cometeu e que podemos provar que não cometeu, apenas rogamos ao amigo Datena por Justiça, que o mesmo olhe o fato em que estar envolvido meu filho com bons olhos e valiosa atenção, pois fazendo isso estará buscando pela mais lidima justiça e enquanto isso não acontece meu filho sofre é humilhado e maltratado dentro de um presidio, por um crime que não cometeu, o que mais nos estranha é que no Mandado consta realmente o nome de meu filho e sua RG, mais como isso pode acontecer, se no ano em que ocorreu o mesmo meu filho ainda não possuía RG, prova esta que o mesmo só passou a ter RG no ano de 2009, conforme consta em seu documento de identidade, o endereço constante do Mandado não é o endereço que atualmente residimos em Maceió e nem tampouco meu filho tem apelido, ja que no Mandado consta como apelido Robertinho, a prisão ocorreu segundo o Mandado porque não localizaram meu filho para acompanhar a tramitação do processo e como poderia, se o endereço do Mandado não é o nosso, sei o quanto a justiça é cega, mais jamais imaginei que seria tanto assim, apenas clamo por justiça, por favor ajude meu filho, ele é inocente, ele nunca saiu de perto de mim, nem muito menos foi a Barbalha no Ceara, se hoje estar em São Paulo é porque recebeu um convite de trabalho irrecusável e como ele atualmente é casado, precisava deste trabalho para dar uma melhor condição de vida sua família, o numero do processo é o seguinte 200.0158.4550-9/0, competência 3ª Vara, local de origem 1ª Vara de Comarca de Barbalha, por favor ajude-me, rogo por justiça, meu telefone é 082 – 87092834 – 88291218, me ajude Datena, um inocente sofre por trás das grades por um crime que jamais cometeu, obrigado por sua atenção

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *